Após reforma, apartamento ganha amplitude, luz e peças de design

Remodelado por completo, o novo apartamento de um casal do Rio de Janeiro aposta em ambientes amplos, móveis assinados e obras de arte. Tudo sem frescura mas convidativo o bastante para receber os amigos com conforto e alegria.

01-apos-reforma-apartamento-ganha-amplitude-luz-e-pecas-de-design

03-apos-reforma-apartamento-ganha-amplitude-luz-e-pecas-de-design

10-apos-reforma-apartamento-ganha-amplitude-luz-e-pecas-de-design

Depois de vários anos morando de aluguel em espaços sempre arrumados de forma improvisada, o casal carioca – ele, publicitário, e ela, pediatra –, com filhos de 6 e 9 anos, resolveu que havia chegado o momento de buscar um imóvel bacana para a família. “Era um passo e tanto, mas estávamos motivados a investir no que queríamos”, conta o marido. O apartamento deveria ser antigo e espaçoso, com janelões e três suítes. Eles acabaram achando o que desejavam a poucos metros da Praia do Arpoador, num prédio com fachada original dos anos 1940. “Ao entrarmos aqui, nós nos encantamos com a claridade da sala e o fato de o lugar nunca ter sido reformado”, recorda-se o publicitário. Indicada pela mulher de um primo, a arquiteta Gisele Taranto foi chamada a idealizar o projeto com área útil de cerca de 180 m². Resultado? Total harmonia de ideias e um final dos mais felizes. “A obra se prolongou por quase um ano. Trocamos os revestimentos, definimos os móveis durante o quebra-quebra e nos mudamos praticamente só com as malas de roupas, trazendo apenas dois quadros da casa anterior. De resto, tudo é novo”, comemora ele. As linhas retas da estante e do banco embaixo da janela partiram da premissa de que o melhor seria investir numa marcenaria simples porém de qualidade. “Se a base for boa e consistente, ficará mais fácil mudar os itens de decoração ao longo do tempo”, afirma a profissional. Quase todo o mobiliário do amplo estar leva a assinatura de designers consagrados, o que ajuda a imprimir personalidade ao ambiente. Algumas peças vieram de fora, trazidas na bagagem, como a luminária da mesa de jantar. “Somos tranquilos e confiamos demais na parceria com a Gisele. Ela propunha, e a gente concordava. Agora, chegou a vez de aproveitar. Já aconteceu de sentarmos aqui na sala e olharmos para os lados sem acreditar que chegamos a este visual tão bonito. Dá um prazer danado ver a casa pronta, refletindo exatamente o que imaginávamos”, revela ele com um largo sorriso no rosto.

Fonte: Casa.com.br

Esta entrada foi publicada em Financiamento, Mercado Imobiliário. ligação permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *